• Memory

Pensamos tanto no futuro, que nos esquecemos que todas as manhãs ganhamos um novo presente

Não sei se é fato ou folclore, mas conta-se que um amigo do grande poeta Olavo Bilac, abordou-o na rua e lhe disse:

– Olavo, preciso vender o meu sitio, que você conhece tão bem, e estive pensando se você poderia redigir um anúncio pra eu colocar no jornal. Você pode me fazer este favor?

Olavo Bilac prontamente atendeu o pedido do amigo, apanhou um papel e escreveu o seguinte anúncio:

“Vendo encantadora propriedade, onde os pássaros cantam ao amanhecer no extenso arvoredo, cortada por cristalinas e marejantes águas de um ribeirão. A casa banhada pelo sol nascente, oferece a sombra tranquila das tardes na varanda”. Depois de algum tempo os dois se encontram novamente e Olavo Bilac perguntou se seu amigo havia vendido o sitio, ao que ele prontamente respondeu: – Na verdade eu desisti de vendê-lo. Quando li o anúncio que você escreveu me dei conta da maravilha que tinha em minhas mãos!

Moral da história: A maioria das pessoas se distrai correndo atrás de algo valioso e não percebe que tem um tesouro em suas mãos. Pensamos tanto no futuro, que nos esquecemos que todas as manhãs ganhamos um novo presente: uma folha em branco que cabe a nós completar.

1 visualização
  • Facebook

©2020 por Livraria Cult. Memory Cursos. CNPJ 30.029.272/0001-85

Produtos digitais entrega rápida e automática.