Amostra do texto.

Entretanto, nem sempre a ação imperialista preocupa-se com a ocupação territorial como ocorreu na África, Ásia e Oceania pelos Europeus e Estadunidenses que partilharam entre si essas regiões com a ocupação efetiva do território.

A ação imperialista também se processou através da dominação econômica, como foi o caso do imperialismo inglês e norte-americano, sobre os países latino-americanos. Portanto, é válido dizer que o imperialismo também é a política de expansão e domínio territorial ou domínio econômico de uma nação sobre a outra.

É preciso considerar que o surgimento do capitalismo na Idade Média, nos feudos, nos Burgos, depois nas cidades portuárias, o mercantilismo, metalismo são a certeza que o capitalismo cresce e se expande desde o principio e o imperialismo é desde a origem do capitalismo, imanente a sua expansão.

Com as revoluções industriais esse crescimento e expansionismo se acentuaram, não somente pelos capitalistas, mas também pela ambição politica e de dominação, expansão militar dos países e seus líderes no século XIX que somado a isso se completam com as necessidades de novos mercados, novas e mais matérias-primas, mais mão-de-obra, mais consumidores, criando as condições perfeitas para os países ambiciosos, industrializados e seus governos e empresas dominarem e explorarem outros países com os mais diferentes pretextos.

Analise do tema “Imperialismo no século XIX”.

R$ 12,90Preço
  • Pagamento seguro, envio automático após o pagamento.

    Pague no Cartão de Crédito, PagSeguro ou Paypal.

    Compra garantia. Entrega automática via link no seu e-mail.

    Arquivo  no formato PDF.

    Site seguro com Certificado SSL.

  • Facebook

©2020 por Livraria Cult. Memory Cursos. CNPJ 30.029.272/0001-85

Produtos digitais entrega rápida e automática.